sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Céu para Cachorro

  "O problema com as exceções às regras é a linha que as delimita." [House]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
  Tem uma passagem na Bíblia em que Jesus expulsa alguns demônios para uma vara de porcos que em seguida se suicidam se lançando em um precipício.
  No episódio da queda do homem algum espirito, possivelmente Lúcifer  falou através de uma serpente, mais tarde o Espirito Santo compareceu ao batizado de Jesus possivelmente na forma de um pombo.
  Que animais tem algum tipo de energia vital que os move não é difícil teorizar, pode até ser um tipo de energia mais rudimentar.
  A grande questão que se coloca é se espíritos mais complexos podem de alguma forma ocupar estes corpos.


  O problema com a exceção a regra é a linha que a delimita.


  Serpente, porcos, pombos...reptil, mamífero, ave, todos capazes de interagir com espíritos complexos.
  A maioria dos pensadores correm para o discurso fácil do "simbolismo", eu acho um recurso perigoso porque se é absurdo uma vara de porcos receber espíritos demoníacos é um absurdo também que alguém morto, depois de 3 dias volte a vida.
  Se eu optar pelo caminho fácil do simbolismo, posso rasgar toda Bíblia e jogar fora, pois nada é confiável.
  Por isto nas minha meditações a ultima hipótese que considero em um questão é que ela seja simbólica.
  Se o sentido literal fica muito estranho tento estabelecer metáforas ou metonímias  evito ao máximo o simbolismo porque com ele podemos viajar na maionese como bem entendermos, basta sermos criativos.
  Então, segundo a Bíblia, espíritos complexos ocuparem corpos não humanos é uma exceção a regra perfeitamente possível.


  Pode existir um mundo onde homens e animais de estimação possam se encontrar após a morte?


  Me parece que é possível mentalmente construir um mundo desses, você ir para um "céu" onde seu cachorrinho esteja presente, com habilidades muito especiais e diferenciadas da vida na Terra.
  No Mundo dos Pensamentos tudo que imaginamos pode a vir acontecer, embora não haja garantias que irão acontecer.
  Eu observo pessoas submetendo seus corpos a mutilações terríveis para mudarem suas formas, logo esta nossa forma humana esta longe de ser uma unanimidade como estereotipo de beleza.
  Conheço pessoas que gostam tanto de gatos que até prefeririam ter esta forma.
  Lembrei agora que Diógenes vivia como um cachorro.
  Bom, este texto apareceu em minha mente porque me perguntaram se em caso de existir mundos celestiais , neles haveria bichos.
  Sei lá! Penso que sim, bichos, flores, as mais variadas formas de vida, até muitas que nem imaginamos, não conheço limite para os fractais.




anterior                       <>                                próximo



Postar um comentário