sábado, 27 de julho de 2013

A Verdade da Quantidade

  “A verdade não resulta do número dos que nela creem.”
 [Galileu]


    
 👩 “Quando é denúncia contra o PT nunca exigem fonte.”
[Comentarista no G+]          
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Eu exijo.
  Respondo pelo que EU escrevo, não por tudo que circula na Internet.
  Dizem que Lula é “bilionário”, mas nunca me apresentaram provas.
  Muitas pessoas não tem noção do que é 1 Bilhão de Reais.
  Esse dinheiro em uma grande estatal ou multinacional realmente fica diminuído diante de cifras astronômicas, mas como “fortuna pessoal” é difícil esconder.
  Você não verá nenhum texto meu “condenando” Lula ou qualquer político por algo que não tenha sido julgado pelo judiciário ou tenha evidências muito bem fundamentadas.

  Veja o que escrevi em outro texto:

  O que mais lemos sobre a riqueza de políticos é que se o indivíduo tem 100 milhões é tudo dinheiro desviado de roubos e falcatruas.

  O salário médio do Prefeito de uma grande cidade é cerca de 15 mil reais, se o cara não é esbanjador dá para poupar por mês uns 10 mil, no final de cada ano dependendo da cidade, dá para comprar um pequeno imóvel ou montar algum comércio.
  Como prefeito ou vereador é quase inevitável que tenha informações privilegiadas sobre investimentos que ocorrerão na cidade.
  Sabendo da chegada de algum empreendimento em um bairro desvalorizado, você pode comprar o terreno por um baixo preço sabendo que em pouco tempo ficará bem valorizado.
  Então, além do seu salário de político você tem um retorno alto de seus investimentos graças a informações privilegiadas.
  Sim, eticamente o cidadão eleito não deveria usar essas informações para proveito próprio, por isso é punível em nossa legislação.
  Se denunciado pode até ser preso.

  Mas não quero que esse texto priorize a análise do desvio ético a corrupção, vamos continuar no plano de pensamento em que o cidadão tem competência para juntar dinheiro...

  Vamos para provocação de Galileu.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  A verdade não resulta do número dos que nela creem?

  "Cientificamente" concordo, mas "sociologicamente" há complicadores como o próprio Galileu experimentou.

  Foi muito difícil convencer cientificamente as pessoas que a Terra é redonda, a “verdade social”, a crença é que ela era plana.

  Boa parte dos brasileiros acreditam que os Comunistas lutavam pela Democracia e isso se tornou uma poderosa "verdade social", maior que a verdade cientifica/histórica dos FATOS.


  Boa parte da humanidade acredita que existe o "terceiro sexo" e não importa que a ciência [por enquanto] diga que não.


  Boa parte da humanidade acredita que sua religião é a única verdadeira, se alguém de outra religião vive bem é obra de "espíritos enganadores malignos".

  Quero dizer que a “verdade social” não tem como ser ignorada.
  (A “verdade da quantidade”)

  Se a maioria acredita que o Estado deve suprir todas suas necessidades vai eleger “de verdade” políticos com essas promessas.
  A verdade social molda toda uma realidade ... de verdade.
  Cientificamente sabemos que o socialismo/comunismo não traz bons resultados ... se comparado com o Capitalismo.
  No entanto “a verdade marxista” se impõe pela quantidade de pessoas que acreditam nela.
  Complicado né?

  Mas não se importe, se você entender o final desse texto já será interessante.

  O motivo desse texto é observarmos um provocante paradoxo.

  Séries como CSI, Dr. House, Lei e Ordem... fizeram sucesso ressaltando a importância das EVIDÊNCIAS.
  Boa parte dos filmes que assistimos são de cientistas ou policiais fundamentando suas deduções em evidências.
  Sherlock Holmes ficou tão famoso que há pessoas que acreditam que ele realmente existiu.

   É intrigante que as pessoas se encantem tanto com evidências e deduções lógicas nos filmes e apliquem tão pouco na vida real.

  Por esses dias uma colega destilava seu ódio contra Edir Macedo.
  Estranhei porque ela também é evangélica!!
  Do jeito que algumas pessoas falam parece que a Igreja Universal [e outras semelhantes] pegam mentes de ótima qualidade e as transforma em amebas.
  Disse a minha colega que me desculpasse a sinceridade, mas qualquer mente que acredite que a Bíblia é 100% a palavra de um Deus “justo e bom” ... não é uma mente de boa qualidade ...

     Estava conversando com um indivíduo e ele fez uma "defesa" muito estranha.

   "Todos os políticos roubam, os do PT só não souberam roubar".

  Caraca!
  No caso do mensalão há políticos de vários partidos não só do PT.
  A maioria dos políticos do PT são "fichas limpa"
  Hoje não votaria mais, mas já votei em Eduardo Suplicy para Senador e não há evidências que ele seja desonesto, logo o considero honesto.
    Hoje Eduardo Suplicy defende idéias que eu não concordo, como proteção a terroristas, é um direito dele, no entanto criminalmente não tenho nenhuma acusação a fazer contra ele.

  Corrupção deve ser sempre combatida, mas meu principal problema atualmente é IDEOLOGICO.
  Depois de muita meditação cheguei a dedução que o “pensamento de direita” é mais eficiente que o “pensamento de esquerda.”
  [Sem extremismos]
  Mesmo que todos os corruptos do PT fossem afastados, eu não votaria na ideologia que eles defendem.
  É uma “verdade da maioria” que não corresponde a “verdade cientifica.”

▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
   A Máquina Estatal é muito grande, é humanamente impossível acompanhar e se responsabilizar por tudo que cada diretor, funcionário público ou terceirizado faz.

  Desvio de recursos acontecem até em pequenas empresas familiares, não conheço nenhum Presidente de empresa privada que queira ser roubado mesmo por seu filho.

  Claro que se o Governador se cerca de auxiliares desonestos ou incompetentes expõe uma falha como Líder e sua recondução ao cargo deve ser questionada.
  Se ele fica ciente de um desvio e não toma nenhuma providência é cúmplice.
  Mas condena-lo pelas ações de um subordinado que por vezes nem foi ele que escolheu ou critica-lo por punir ou demitir alguém...não faz sentido.
  O Prefeito/Governador/Presidente é uma pessoa, não uma entidade onisciente e onipresente.

  Para concluir o texto:

  Afirmar que todos os políticos de qualquer partido são corruptos e desonestos é uma "verdade social" não baseada em EVIDÊNCIAS.

  E se são ... o que dizer de seus eleitores!?

  "Toda pessoa é inocente até prova ao contrário".

  Esse é um dos pilares da Democracia, um pensamento que obviamente eu defendo.
  Todo político de qualquer partido é inocente até que seja provado o contrário.

  Nossa verdade social atual diz que:

  “Todo político é culpado e não pensemos mais nisso, apenas condenemos.”

  (É evidente que uma vez comprovado a culpa temos que punir.)

  Também não podemos premiar o marginal que soube esconder muito bem seus rastros embora todas as circunstancias apontem que ele cometeu o delito.
  É como o caso do goleiro Bruno, talvez nunca encontremos o corpo da mulher assassinada, mas todas as circunstancias apontam que ele foi o mandante do crime.
  No caso do Mensalão ouve a denúncia de um envolvido, Roberto Jefferson.
  Foi preso o Marcos Valério que disse como funcionava o esquema copiado do caso de Minas Gerais, foram rastreadas transferências de dinheiro inexplicáveis como a caso do Deputado João Paulo Cunha que a esposa foi pagar uma conta de TV a Cabo e saiu com 50 mil na bolsa...isso nunca aconteceu comigo... 


  Diante das evidências declaro o povo brasileiro culpado por eleger corruptos e ideologias fracassadas.
  Nossa pena é ficarmos acamados eternamente em berço esplendido.

  Território tão rico e maravilhoso em posse de um povo culturalmente subdesenvolvido.
😞



anterior                       <>                                próximo


----------------------------------------------------------------------------------------
Postar um comentário